CBLOL 2017

Autor: Peterson Alencar, Ian Miguel e Matheus Osses

Nas competições que aconteceram durantes os meses fevereiro, março e início de abril de 2017, no Offline – Estúdios da Riot Games Brasil,  Tivemos o mesmo formato das duas últimas edições do CBLOL, porém, o primeiro Split de 2017 não teve a famosa super semana (Semana em que cada equipe joga contra 2 equipes em vez de uma).

O último colocado, cai direto para o Circuito Desafiante (um tipo de segunda divisão, onde equipes se enfrentaram para ver quem jogaria o tão sonhado CBLOL). Fazendo assim com que o 1º lugar do circuito desafiante subisse  para o Cblol.

O sexto e sétimo, enfrentam o segundo e terceiro lugar do Circuito Desafiante na Série de Promoção.

A GRANDE FINAL DO CBLOL 2017

Foram classificados para a semifinal, Red Canids, Pain Gaming, Keyd Stars e INTZ

Para as semifinais o time da Red trouxe uma grande surpresa, o jogador YoDa que não aparecia na rota do meio desde 2015 foi anunciado como o titular do time.

Muitos duvidaram sobre a decisão da equipe técnica sobre o colocamento do YoDa, porém para a surpresa dos mesmos levou a Red para a grande final depois de jogos fáceis.

Já no jogo da Keyd contra a INTZ o placar foi quase imediato, a Keyd atropelou seu adversário nos 2 primeiros jogos sem piedade. No terceiro jogo a INTZ se mostrou outra, com trabalho em equipe e ótimas jogadas conseguiram atropelar a Keyd. Porém no quarto jogo,em menos de 30 minutos a INTZ teve seu nexus destruído, por um placar de 14/4 a Keyd garantiu seu lugar na final.

No primeiro jogo o caçador da Red canids conseguiu uma vantagem no começo do jogo e conseguiram colocar uma pressão muito grande, assim ganharam fácil.
no segundo o YoDa e o BrTT foram substituídos por Tockers e Sacy respectivamente.

o publico nao esperava pela a entrada do Sacy no lugar do BrTT e também não esperava que ele jogasse tão bem quanto jogou, porém o astro da bot lane foi o Dioud, que terminou a série com um KDA de 7.4.

A red surpreendeu todos com o incrível placar de 3 a 0 em cima da Keyd. ao final da cerimônia todos os membros da Red se juntaram para receber o tão sonhado troféu do CBLOL.

 

Os Maiores Streamers de League of Legends

Autor: Gabriel Ribeiro e Vanderlei Junior

Primeiramente,  o que é stream?

“Streaming é uma forma de transmissão de som e imagem (áudio e vídeo) através de uma rede qualquer de computadores sem a necessidade de efetuar downloads do que está se vendo e/ou ouvindo, pois neste método a máquina recebe as informações ao mesmo tempo em que as repassa ao usuário.

www.interrogacaodigital.com/central/o-que-e-streaming

Resumindo, stream é uma transmissão ao vivo.

 

Os streamers são muito conhecidos entre os jogadores, muitas vezes mais conhecidos do que os profissionais,  por exemplo:

pipoca Picoca, streamer e ex-jogador profissional.

jukes Jukes, streamer.

brttBrTT, streamer e jogador profissional.

hastad Hastad, streamer.

Yoda Yoda, streamer e jogador profissional.

yetzyeTz, streamer e ex-jogador profissional.

Quem são os streamers mais conhecidos de LoL

Mesmo recebendo um bom salário, os profissionais às vezes decidem sair desta carreira e começar como streamer, como é o caso do Picoca, que disse em uma de suas streams que parou com sua carreira de jogador profissional,  pois não gostava da pressão posta sobre ele, e começou a fazer stream porque é um trabalho mais divertido e que da maior liberdade de criação, não precisando ser um bom jogador, apenas trazer algo novo e engraçado.

A Stream ainda é uma ótima ferramenta para aqueles que desejam melhorar no jogo, pois muitos streamers além de trazer algo divertido,  ainda dão dicas do que fazer nas diversas situações que se passam no jogo.

 

A história do CBLoL

Ian, Matheus e Peterson

Além do sistema da competição ter mudado ao longo dos anos, o cenário de esportes eletrônicos era bem diferente quando o CBLoL(Campeonato Brasileiro de league of legends) começou. Há alguns anos, poucas pessoas imaginariam a dimensão que o torneio tomaria em tão pouco tempo, com finais levando cerca de 12 mil pessoas a um estádio de futebol. A situação dos jogadores também era diferente – uma possível profissionalização ou o uso do termo “cyber atleta” ainda estava longe daquela realidade.

 

CBLoL 2012

O ano de 2012 foi marcado pelo início do servidor de League of Legends no Brasil, em agosto. A divisão entre profissionais e amadores ainda não era muito bem delimitada, já que o próprio termo “profissional” sequer era utilizado para se referir a um jogador.

A decisão do CBLoL 2012 foi um tanto quanto afobada. Apenas dois meses depois da chegada do servidor brasileiro, a BGS (Brasil Game Show) foi palco da grande final do campeonato, cuja premiação total foi de US$ 50 mil. Naquela época, alguns poucos entusiastas do jogo foram presenciar a grande final, realizada em 14 de outubro entre a Vince Te Ipsum Ignis e Vince Te Ipsum Nox. Onde, por 2 a 0 o time da vTi.Ignis saiu vitorioso.

lol 2012

CBLoL 2013

O investimento de grandes organizações despontou no horizonte de League of Legends em 2013, enquanto o conceito dos eSports tomava forma. As pessoas começavam a gritar pelos nomes de seus times preferidos e as torcidas já tinham seus ídolos.

O ano de 2013 foi um sonho para a Riot Games, chegando ao arrecadamento de US$ 624 milhões. Isso, somado ao sucesso cada vez maior do jogo no Brasil, fez com que a empresa investisse cada vez mais no país.

A partir desse impulso, tanto o jogo quanto o campeonato em si foram crescendo, atraindo novos públicos, jogadores, e profissionais nessa área.

O CBLoL 2016

O campeonato de 2016 adota um esquema de pontos corridos em sua primeira fase. Oito times se enfrentam semanalmente em confrontos no formato “melhor de 2 partidas”, que dão três pontos para o vencedor da série e um ponto para cada equipe no caso de empate. Esta etapa dura seis semanas, nas quais os cinco melhores colocados passam para as quartas de final.

A principal mudança está no esquema de rebaixamento. Pela primeira vez na história do CBLoL, o último colocado cai diretamente para o Circuito Desafiante. Já o sexto e o sétimo colocados do torneio principal enfrentam o segundo e o terceiro colocados do Circuito Desafiante, definindo quem fica com as vagas principais do campeonato da segunda temporada em um esquema de mata-mata.

Esse formato oferece maior diversidade para o público e boas chances às organizações que lutam por um lugar entre os melhores times do Brasil.

Bem Vindos a League of Legends (LoL)

Gabriel Ribeiro Cardoso e Vanderlei Aparecido da Rosa Junior

League of Legends é um jogo Moba (Multiplayer online battle arena) lançado em 2009 e o  objetivo dos jogadores é derrotar a equipe inimiga, cada uma controlando 5 personagens (Campeões) e destruir seu Nexus (A grande gema localizada nas bases azul e vermelha), atravessando as rotas (representadas pelas setas azuis e vermelhas) acompanhados dos minions (pequenas tropas controladas por inteligência artificial que são liberadas a cada 30 segundos de 6 em 6 para cada rota e que concedem ouro e experiência para quem as matar),  destruindo as torres e o inibidor ( estruturas que protegem a base inimiga).

Sem título

O jogo é composto por 134 campeões dividindo-se em seis classes, que são:

-Tanques (campeões com muita vida e resistência)

-Lutadores (campeões pouco mais frágeis  que os tanques,  porém com maior dano físico de ataque)

-Assassinos (campeões frágeis que causam muito dano em pouco tempo)

-Magos (campeões de longa distância que se beneficiam de suas habilidades para  causar dano, porém muito frágeis)

-Suportes (campeões que ajudam o time dando suporte, seja melhorando seus atributos, protegendo-os da equipe inimiga ou simplesmente impedindo seu avanço)

-Atiradores (campeões que causam muito dano à equipe inimiga a distância, geralmente usando apenas de ataques básicos, porém frágeis, por isso quase sempre acompanhados do suporte)

Gírias

As gírias são muito usadas por jogadores mais experientes (nem sempre melhores que alguém, é apenas algo que se consegue com tempo jogando),é possível conhecer todas depois de alguns meses, serve apenas pra facilitar a comunicação que é imprescindível para o entendimento do jogo.

-Cd ou Tempo de Recarga: tempo que leva pra uma habilidade poder ser usada.

-AP ou Poder de Habilidade: atributo que melhora as habilidades mágicas.

-CC ou Controle de Grupo: efeitos que interferem na mobilidade  ou ação de um adversário.

-Skillshot ou Disparo de precisão: habilidades das quais é possível desviar.

-Feed: ato de morrer constantemente na partida.

-Jungle ou Selva: região entre rotas onde ficam os monstros neutros.

-AFK: ficar ausente do jogo por um tempo.

-Bait ou Isca: fingir estar vulnerável por meio de ações.

-Barão: um dos objetivos do jogo, um monstro gigante que fica pela parte superior do rio.

-First Blood: primeiro abate da partida.

-MIA: sinaliza que um campeão inimigo desapareceu.

-Troll: quem entrega a partida de propósito, entrega objetivos.

-Safe: ficar em uma posição menos arriscada.

-Gank ou Emboscada: fazer um ataque surpresa a um adversário.

Como pensar enquanto joga?

O importante é entender por que se tem cinco campeões em cada time, os objetivos só são alcançados enquanto se joga como equipe. Jogar sozinho sempre te deixa em desvantagem numérica, e se você é eliminado ou forçado a recuar, quem vai continuar a conquistar o objetivo e como você será visto pelos companheiros? Xingado, zoado, com certeza.

Nos temos o Rage (ato de xingar os companheiros sempre que cometem um erro), que é um problema entre todos os jogadores, dos novatos aos mais experientes. É preciso evitar dar importância a essas pessoas, pois elas só irão atrapalhar, isso é comum no início já que todos começam de algum lugar e ninguém joga sendo o melhor, todos treinam pra ser melhores do que antes;  mas isso requer tempo e dedicação.